No dia do pai...um apelo às mães.



Ser pai...pode ser uma das experiências mais gratificantes da vida de um homem e é sem dúvida um dos mais importantes papeis que alguém pode desempenhar. Estar presente e fazer a diferença na vida de um filho, educar, transmitir valores, ajudar no desenvolvimento da identidade, proteger e autonomizar...tudo papeis inerentes ao ser pai.

Neste dia que a todos os pais é dedicado, não poderia deixar de fazer um apelo a todos os pais, mas também a todas as mães. Pais, sejam presentes mesmo distantes! Mães, não dificultem a relação e presença do pai!

Queria assim realçar todos os pais que se encontram privados de desempenhar e usufruir da sua parentalidade, que se limitam a regras rígidas para estar com os seus filhos e que não podem simplesmente fazer parte da vida dos seus filhos em pleno. Ser pai deveria ser mais do que um fim de semana quinzenal, mas por vezes até isso lhes quer ser retirado.

Neste dia do pai, pensemos mais neles e nos seus filhos, no direito a partilharem momentos. Ao privar os pais de estarem com os seus filhos, não nos esqueçamos que estamos igualmente a privar os filhos da presença do pai e, se o pretendido é o bem estar dos filhos, permitam-lhe estar com os seus pais.

Mães, coloquem os vossos filhos à frente de tudo, pensem sobretudo no bem estar e felicidade deles. Será que a presença do pai não contribuirá para esse bem estar? Se a resposta for sim, separem os vossos atritos de casal/ex-casal daquilo que é a relação pai/filho. Po muito básico que pareça, a verdade é que raras vezes acontece. Por isso, que seja feito mais algum esforço.


#pai

#diadopai

#paisefilhos

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo